21
Sex, Fev
ptenfres

 

 

Amor em Guerra!

por Nancy Gonçalves Dias


Um dia nos encontramos
Um amor tempestuoso  tivemos
E durante um bom tempo
Intensamente nos amamos

Um dia esse amor ao fim chegou
E hoje a procura de outro amor estou
Por que o ser humano sempre está
A ambicionar outros amores
Quando se tem por perto a pessoa amada ?

Que estranha tentação é esta
De destruir o que tanto se deseja ?
Por que esse impulso louco meu Deus
Esse estado amoroso em constante guerra?

Não será por acaso
Falta de belas palavras
Ou atos sublimes para manter
Acesa a chama do amor?

É tão fácil a chama do amor destruir
Requer apenas em segundo
Mas, leva anos e vidas inteiras
Para um verdadeiro amor construir !

 

 

Canção de amor

por Nancy Gonçalves Dias

 

A vida é para mim uma canção de amor

Vivo intensamente as  horas, minutos ,

Sentindo e vivendo a beleza do amor!

 

Amo uma flor que no jardim desabrocha

A formiguinha no vai e vem

As aves, e a chuva que o solo fertiliza.

 

Como é doce a vida, em sua plenitude!

Sua beleza, seus mistérios  que me envolve

E  me faz sentir mais mulher!

 

Amo a todos, crianças inocentes

Os jovens que têm nos lábios

Um sorriso e uma canção de amor.

 

Cantem comigo esta canção de amor

Desejando paz entre os homens

E as criancinhas  as  bênçãos de Deus !

 

 

Infância querida!

por Nancy Gonçalves Dias

 

Ó que saudades eu tenho

De minha infância querida

A petizada encontrando

Na rua para brincar .

 

Ò que saudades eu tenho

Das noites enluaradas

A moçada reunindo

À lua cheia admirar

 

Alguém pegava na viola

E cantava uma canção

E a lua cheia lá no céu

Prateava a emoção

 

Minha dor é uma saudade

Que não escondo jamais

Só de pensar na infância

Tenho vontade de chorar


por Nancy Gonçalves Dias

Ò que saudades eu sinto
Dos belos momentos que vivi
Dos lugares mais lindos
Que ao teu lado conheci!

Ò  que saudades eu sinto
Do néctar de teus beijos
Dos teus olhos cristalinos
A brilhar na noite de luar

A tua lembrança faz-se presente
A tua voz tento ouvir
E tuas palavras recordar .

Tento encontrá-lo está tão distante !
Tento ouví - lo ,mas não te escuto
Procuro os teus lábios
E não te sinto !

Como a saudade é dorida !
Invade minha existência
Acelera meus pensamentos
desejando-te ao meu lado!

Ò saudades não me maltrates assim!
Sei que ainda o amo
O meu amor é tudo!
É eterno e nada mais!

Mais Artigos...

Festival de Dança de Bambuí