28
Qui, Jan
ptenfres

Destaques

Grid List

Patrocinadores

Outros destaques

Grid List

Banner quadrado - Wilson  I
Banner Quadrado - MultElétrico i  II
Banner Quadrado  Boticário  02  III
Banner Quadrado -  Capa Jornal IV
Banner quadrado 9
banner quadrado 10
Banner quadrado 13 -Bem solar
Quadrado destaques Tãnia  Vl -
Quadrado  Outros Destaques - Marina  Vll
Banner quadrado 11

Ferramentas

No dia 15 de outubro de 2020, os eleitores escolheram novos vereadores e prefeito do município de Bambuí .


Agora muito eleitores perguntarão :
-E agora? Desejo saber o que eles poderão fazer pelo nosso Município, nestes quatros anos de gestão?

Conhecer as atribuições e verdadeiras funções do vereador é fundamental, principalmente para os eleitores que escolheram seus vereadores para representá-lo na Câmara . Ele é, portanto, um representante político da população na esfera municipal.
Verear significa zelar pelo bem do Município.
O vereador possui mandato de quatro anos e é eleito diretamente pelo voto popular. No dia da posse, ele jurou cumprir a Constituição Federal, a Constituição Estadual e a Lei Orgânica Municipal, observar as leis, desempenhar o mandato e trabalhar pelo progresso do Município e bem estar de seu povo

.
Fazendo a intermediação entre a população e o Poder Executivo municipal, o vereador acaba tendo a função de fiscal do povo, auxiliando o eleitor no exercício de sua cidadania. Ele precisa participar de eventos públicos e de interesse da cidade, atuando também fora da Câmara Municipal. Estas atividades incluem visitas a comunidades para conhecer a realidade local e ouvir os seus moradores. As demandas sociais, os interesses da coletividade e dos grupos devem ser levados em conta na elaboração de projetos de leis, que serão discutidos e votados na Câmara Municipal.
O vereador será muito cobrado no atendimento dos anseios e necessidades dos munícipes que, quase sempre, são problemas relacionados à competência do Poder Executivo.


O poder do vereador é indireto, pois ele pode apresentar uma emenda à Lei Orçamentária, sujeita à votação, ou por meio de uma Indicação ou requerimento enviado ao prefeito. Através destes instrumentos, o vereador poderá solicitar a realização de uma obra, mas sempre dependerá da ação do Poder Executivo.
Ele tem quatro principais atribuições: representar (os eleitores e a comunidade), legislar (em defesa do bem comum), fiscalizar (a aplicação do dinheiro público) e assessorar (encaminhamento de indicações ao prefeito e secretários municipais). O vereador fala em nome da população, do partido político que representa e de movimentos organizados, devendo realizar seminários, debates e audiências públicas como meios de ouvir e de permitir que sejam ouvidos os interesses da comunidade em geral.


Cabe a ele fiscalizar os atos do prefeito na administração municipal, principalmente no tocante ao cumprimento da lei e da boa aplicação e gestão dos recursos públicos. A fiscalização acontece também por meio de análises do Plano Diretor e da atuação das comissões especiais com os objetivos de discutir e aprovar o orçamento anual - a Lei de Diretrizes Orçamentárias - que define onde e como aplicar o orçamento do município.
Já a função de legislar consiste em elaborar, apreciar, alterar ou revogar as leis de interesse dos cidadãos do município. Essas leis podem ter origem na própria Câmara ou resultar de projetos de iniciativa do prefeito ou da sociedade, que são analisados, discutidos e votados nas reuniões ordinárias ou extraordinárias. No trabalho cotidiano aprovam ou rejeitam projetos de lei, produzem decretos legislativos, resoluções, indicações, pareceres, requerimentos. Preparam o Regimento Interno que estabelece as diretrizes da Casa. Organizam-se, ainda, em comissões permanentes ou especiais de acordo com os setores da vida da comunidade e com as principais áreas de atuação de cada vereador ou vereadora.
Outra importante atribuição a um vereador é a elaboração da Lei Orgânica do Município. Esse documento consiste numa espécie de Constituição Municipal, na qual há um conjunto de medidas para proporcionar melhorias para a população local. O prefeito, sob fiscalização da Câmara, deve cumprir a Lei Orgânica.

      O que esperar da nova gestão do prefeito e da Câmara de Bambuí?

                     Depoimentos de cidadãos e cidadãs bambuienses à respeito destes quatro anos de gestão:

 

Laila M. de Oliveira

“Espero que a gestão, poder executivo, continue com o trabalho sério, honesto e transparente para que nossa cidade prospere. A prosperidade significa atender os anseios da população tanto na saúde de, educação, esporte, lazer. Quanto a Câmara do vereadores que esses se dediquem ao trabalho real de um vereador que é elaborar leis e fiscalizar a utilização do dinheiro público e não uma fonte de favores. Ser vereador é representar seu povo e não um cargo para tirar proveitos próprio.”

 

Gustavo Soares

“Considero que os resultados dessa eleição foram favoráveis a Bambuí. Prefeito e vice são pessoas austeras, trabalhadoras e querem o bem de Bambuí.
A Câmara de vereadores tem representantes de várias causas importantes para nosso município.
Como qualquer cidadão bambuiense tenho esperança que executivo e legislativo caminhem juntos os quatro anos. No final, quem ganha é nossa querida Bambuí.”

Celina Maria Ramos

“Que os políticos de Bambuí, eleitos para o mandato 2021/2024 tenham a consciência que eles são representantes do povo, que estão de passagem pelo poder público, NÃO são donos da Câmara Municipal e nem da Prefeitura.
Que saibam aproveitar estes quatro anos para agir com coerência e ética,
Que procurem ter os interesses do povo como uma bússola para guiá-los no trabalho público. Só assim deixarão legado para a cidade de Bambuí e serão lembrados com orgulho, por todos, mesmo após o término do mandato!!

Alan Delgado

“Da prefeitura esperamos que conclua as obras urbanas iniciadas e que olhe para as estradas vicinais da zona rural.
A agropecuária é setor produtivo essencial para os bambuienses. São os produtores rurais que levam o alimento à mesa do povo de Bambuí. Eles merecem respeito e consideração!!!
Dos vereadores esperamos independência para fiscalizar os atos do poder executivo e criem projetos para beneficiar o cidadão, sem o famoso “tomá-lá-dá-cá” .
Esperamos que: o poder executivo e legislativo, melhorem a qualidade do Sistema de saúde, tornando-o mais acessível, aumentando o quadro de médicos especialistas, nas UBS promovendo uma parceria público privado, visando atender os carentes.”

Sueli Pêgo

 “Espero da nova gestão: prefeitura e da Câmara de Bambuí total transparência. Transparência na gestão administrativa, na distribuição de recursos em todas as áreas. O povo deve participar em peso, conhecendo como nossa cidade caminha para melhorar cada vez mais na saúde, educação segurança e social.”

Desainês Ramos

Executivo: que cumpra o prometido no plano de governo. Que Deus ilumine sempre o seu mandato!
Legislativo: Pensem mais no povo, na coletividade. Parem de legislar em causa própria. O cargo de vereador permite perfeitamente que tenha uma profissão. Faça dela sua referência. Daqui 4 anos você pode não estar mais vereador. Fiscalize o Executivo, mas não inviabilize . Projetos que irão beneficiar o Município, só por picuinha ou por ser adversário político; Apresente projetos que venham beneficiar a coletividade e não só a seus eleitores!